Sociologia Militar


Sobre a Sociologia Militar

A Sociologia Militar (também chamada área Forças Armadas e Sociedade) surgiu na senda dos trabalhos do The American Soldier coordenados por Stouffer durante a Segunda Guerra Mundial, e teve a sua fundação na transição da década de 50 para a de 60 do século passado pela mão de um punhado de sociólogos entre os quais se destaca Morris Janowitz. A Sociologia Militar foi nessa altura e continua a ser hoje definida como desenvolvendo-se em torno de cinco vectores de análise essenciais: o estudo da organização militar; o estudo do sistema militar; o estudo das relações civil-militares; o estudo da génese e da evolução da guerra e dos conflitos armados; e o estudo da
profissão militar.

A arte da guerra no seu ponto máximo é a política, sem dúvida, uma política que trava batalhas em vez de escrever notas.” Carl von Clausewitz

Em construção.

Em construção.

Em construção.

Em construção.

Em construção.